O papel da crítica, acima de qualquer coisa, é tentar identificar o que o filme é. Podemos nos perder nessa percepção, adentrando em terrenos perigosos para o entendimento geral da obra, mas é preciso ter sempre em mente que – por mais que impossível que possa parecer – é na indiferença que nós conseguimos compreender a totalidade das artes.

Começo esse parágrafo já na metalinguagem e quebrando a regra central das dissertações para afirmar que Não Olhe Para Cima não é um tipo de cinema que me agrada. Entendo todo o burburinho que o filme está gerando mundo afora, mas também percebo que toda bomba faz barulho, mas não significa que ela seja realmente eficaz no que se propõe.

Esse cinema estrelado é antigo (começou nos anos 60, para ser mais específico) e se perde logo no pôster. É tanta luz nos nomes envolvidos que o texto da sinopse até fica opaco e difícil de ler.

As atuações estão todas no automático. Existe até uma atitude dos protagonistas de tentar entregar algo convincente que acaba se tornando mais do mesmo quando esse esforço se mostra em vão no decorrer da trama. Em contraponto a criatividade do roteiro se torna tão caricata que qualquer vinculo do telespectador com o filme fica constantemente em provação.

As metáforas feitas para comentar o cenário político e social atual até teriam uma intensidade interessante se não já tivesse sido excessivamente utilizada em inúmeros títulos que tem como premissa o ataque ao sistema que está inserido e não tem nenhuma pretensão de sair – até porque no fim do mundo todo mundo merece se alienar um pouco já que a morte trágica é algo inevitável.

No entanto, deixando toda a amargura da vida de lado, tenho que concordar que o filme cumpre a intenção na qual ele foi feito: se tornou tendência; está no boca-a-boca; e vai virar meme. Ironicamente tudo aquilo que tanto critica.

 

Classificação: 

Veja também, críticas nossas advindas da Netflix:

Sob a direção de Adam McKay, Não Olhe Para Cima é estrelado por Leonardo DiCaprio, Jennifer Lawrence, Meryl Streep, Jonah Hill. O filme encontra-se na Netflix.