John Wick/Lionsgate - Reprodução

Quando a franquia “John Wick”, da Lionsgte, ganhou duas novas sequencias no papel, foi indicado que as gravações dos capítulos 4 e 5 se dariam concomitantemente. Porém, isso não ocorreu. Por que? Um dos idealizadores da saga, o diretor Chad Stahelski justificou em entrevista ao CB, os motivos do qual o fez ser mais comedido com o projeto.

Parece que nas outras franquias que tentaram isso, eles apenas sentem que estão fazendo a mesma coisa feita de novo, certo? Como se não houvesse uma nova influência. Às vezes você precisa desse fôlego criativo para criar coisas novas“, lembra o cineasta. “Caso contrário, ficamos estressados e podemos não realizar dois filmes bons. Corre-se o risco de entregar um produto ruim. Só não sou tão brilhante. Não sou tão inteligente. Não sou tão bom como diretor para projetar minha visão anos no futuro e fazer dois grandes filmes [em tom jocoso].

Ele diz que sempre foi seu objetivo se concentrar em um filme e partir daí.

“Tenho muita sorte se conseguir fazer um grande ato, quanto mais dois grandes filmes”, acrescenta Stahelski. “O filme se transforma e John Wick é muito orgânico porque somos baseados em locações. Então, planejar 10 locações ao longo de dois anos, é difícil. E acho que isso também é uma grande loucura para os fãs. Como se você não estivesse dando o meu melhor. Você acaba ficando entediado.

Ele conclui: “Com mais tempo, eu posso trocar os coreógrafos e fazer um rodízio de equipes de dublês, sempre tentando ser criativamente melhor. E estamos tentando fazer o melhor mais e mais. Acho que seria injusto para nossa base de fãs e injusto com a propriedade em geral apenas esticá-la em prol da eficiência ou eficiência financeira ou criativa. Prefiro fazê-lo, respirar fundo, juntar nossas coisas, analisar nossos erros e ver o que funcionou e o que não aconteceu.”

No quarto capitulo, John Wick (Keanu Reeves) enfrenta seus adversários mais letais até agora na quarta parte da série. Com o preço por sua cabeça cada vez maior, Wick leva sua luta contra a High Table de forma global, enquanto procura as pessoas mais poderosas do submundo, de Nova York a Paris, de Osaka a Berlim.

Veja também:

Keanu ReevesLawrance FishburneBill SkarsgårdDonnie YenHiroyuki Sanada e a cantora Rina Sawayama compõem o elenco. Sob a direção de Chad Stahelski e roteiro de Derek Kolstad. O filme “John Wick 4”, da Lionsgate, chegará exclusivamente nos cinemas em 24 de março de 2023.

By Amauri Alves

Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante (...) Do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo

3 thoughts on “Diretor explica o porque de John Wick 4 e 5 não serem gravados paralelamente como previsto”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.