7 pontos dos novos quadrinhos dos ‘X-Men’ que podem ajudar a reescrever o MCU | SiriLista

Quem não está ansioso pela introdução dos X-Men no MCU. Naturalmente, o fã deseja um arco à outro que sirva de inspiração para um dado filme ou série.

Um dos arcos mais recentes, e que tem feito bastante sucesso entre o público, são os novos quadrinhos de Jonathan Hickman, que formataram a compreensão dos X-Men na Marvel. Portanto, não ache estranho se Kevin Feige trazer as novas sagas às futuras adaptações do MCU. Logo, resolvemos nos debruçar e identificar pontos estratégicos nos quadrinhos de Hickman, que gostaríamos de ver nos próximos filmes e séries da Casa das Idéias. Confira a nossa SiriLista [via CB]:

1. Krakoa: A Nação Mutante

Filme X-Men MCU Dawn of X Reboot Krakoa
X-Men: Dawn of X/Marvel Comics – Reprodução

Uma das bases mais usadas ​​em X-Men é a Escola Xavier – Uma estrutura de super-heróis secretos da série. No reboot de Hickman, a versão da equipe que existe, podemos encontrar em Krakoa, uma nação mutante independente e muito mais intrigante.

Em “Dawn of X”, se estabeleceu uma nova estrutura onde todos os mutantes na Terra são uma parte bem-vinda da nação mutante de Krakoa, uma ilha mutante viva. A ilha tem sua própria cultura mutante completa, governo, leis, idioma e rituais religiosos. É um estranho mundo novo que definitivamente daria ao MCU e aos X-Men uma sensação muito distinta de outros super-heróis – e mais importante.

2. Prof. X e Magneto

X-Men Xavier e Magneto Dawn of X
X-Men: Dawn of X/Marvel Comics – Reprodução

Assim como a morte do tio Ben ou o assassinato dos pais de Batman, os filmes X-Men causaram a rivalidade Charles Xavier/Magneto o suficiente. Em “Dawn of X” é oferecido uma alternativa muito mais interessante: uma versão de Xavier e Magneto que foram parceiros o tempo todo.

Como você pode ler abaixo, a série de eventos “House of X” redefiniu a linha do tempo da rivalidade Xavier / Magneto em grande estilo, sem falar nos próprios personagens. Xavier agora está mais sinistro, com metade de sua cabeça sempre escondida em uma versão de capacete do Cérebro; Magneto se veste de branco e age como um nobre chefe de estado, ao invés de um vilão. O MCU poderia se beneficiar explorando os personagens e sua relação a partir desses novos ângulos.

3. A Estranha Moira X

House of X 2 Moira MacTagger Mutant Powers Reinicializar Marvel Universe
X-Men: Dawn of X/Marvel Comics – Reprodução

 

E se Moira Mactaggart fosse imortal, com vislumbres semelhantes ao anime/filme “No limite do Amanhã”.

A nova versão dos X-Men, de Jonathan Hickman, revelou que a aliada de longa data, Moira Mactaggart é na verdade um dos mutantes mais poderosos que já existiram. O poder de Moira permite que ela viva uma vida repetidamente após cada morte, com pleno conhecimento e consciência de suas vidas anteriores. Em “Dawn of X” foi criada a mais recente (décima) tentativa de Moira em ajudar a guiar os mutantes (e o mundo) em direção a um futuro mais brilhante do que os tempos sombrios que ela viveu.

Se Moira X fosse parte do MCU, isso permitiria ao personagem ser uma ponte entre o MCU e os filmes antigos da Fox.

4. Mutantes Divinos

Marvel Just Made X Men Cosmic Threat Danger SWORD 1 Spoilers
X-Men: SWORD/Marvel Comics – Reprodução

Se “Dawn of X” reuniu mutantes como uma nação – também reuniu seus poderes extraordinários para realizar feitos divinos. Os primeiros mutantes criaram “The Five”, um grupo de cinco intrigantes personagens que combinam seus poderes para essencialmente ressuscitar qualquer mutante morto em um corpo clonado, com todos os seus poderes e a maior parte de suas memórias intactas. Mutantes não morrem mais. O conceito de poderes combinados foi levado mais longe, com o programa “astronauta” dos X-Men criando “Os Seis”, um grupo de mutantes que têm o poder de se aventurar pelo espaço, pelas dimensões e talvez até pelo multiverso.

Se a Marvel Studios está se perguntando como os X-Men podem oferecer ação e espetáculo únicos como um blockbuster de MCU, o conceito de poderes mutantes coordenados em “Dawn of X” é esse.

5. Um Apocalipse totalmente novo

Filme X-Men MCU Dawn of X Reboot Apocalyspe
X-Men: Dawn of X/Marvel Comics – Reprodução

 

Uma das maiores surpresas de “Dawn of X” foi a sua grande reformulação do clássico vilão dos X-Men, Apocalipse. O arqui-inimigo com o mantra militante “Sobrevivência do mais forte” foi reformulado como um antigo anti-herói do Universo Marvel e um pilar fundamental na história do passado, presente e futuro dos mutantes, bem ali ao lado Xavier e Magneto.

O MCU poderia se beneficiar muito com a versão muito mais profunda do personagem, que vimos “Dawn of X”. Apocalipse é agora uma das figuras-chave em toda a linha do tempo do Universo Marvel como um todo, e há muitas maneiras do MCU conectá-lo a outras franquias e personagens que estão a caminho (Os Eternos, Kang O Conquistador, Quarteto Fantástico).

6. A Conexão Arakko

Filme X-Men MCU Dawn of X Reboot Arakko
X-Men: Dawn of X/Marvel Comics – Reprodução

Os X-Men da Marvel também devem ter seus novos rivais de quadrinhos, a antiga nação mutante de Arakko. Em “Dawn of X” é revelado que Krakoa e Arakko já foram unidos como uma única terra, mas separados quando um reino demoníaco tentou invadir a terra antiga. Acontece que Apocalypse é um líder de uma raça inteira de poderosos mutantes antigos, que se sacrificaram para conter os demônios enquanto o Apocalypse selava Arakko no reino escuro.

O MCU poderia pular muitas das bobagens fantásticas do “X – Swords“; e ir direto para a revelação de que existe uma raça de mutantes antigos forjados pela guerra e que está lá fora, fornecendo um verdadeira história de fundo perfeita, próxima a Blade e Doutor Estranho 2.

 

7. A Agenda X-Tinction

Marvel Hellions 8 bSpoilers XMen Kill AI Machines sentinelas de guerra
X-Men: Dawn of X/Marvel Comics – Reprodução

 

As últimas edições da linha “Dawn of X” revelaram que a nova nação mutante dos X-Men está escondendo um segredo obscuro (um entre vários): os mutantes têm uma agenda focada em cometer genocídio.

O novo “Protocolo de Hesíodo” de Krakoa é uma doutrina pela qual os X-Men identificam a IA emergente e a eliminam rapidamente. Esse ato cruel está ligado a “Moira X” e seu conhecimento de como mutantes e IA estão destinados a se tornarem inimigos. É uma nova reviravolta que funcionaria bem em um cenário MCU onde personagens como Visão e Ultron já deixaram sua marca, enquanto Tony Stark e outros (Reed Richards) levaram a IA a um ponto que poderia ser uma ameaça real para os X-Men. Se a Marvel Studios precisa de um motivo para os X-Men e os Vingadores entrem num possível conflito, por que não quando os mutantes colocam a vida de todos em risco através de um IA?!

Veja também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *