Uma Odisseia Coreana – 1º temporada (2017) | Review

Uma Odisseia Coreana” ou “A Korean Odyssey“, do Studio Dragon, é um spin-off “moderno” do romance Chinês Jornada ao Oeste. Um drama de fantasia e romance exibido pela emissora tvN, protagonizado por Lee Seung-gi e Oh Yeon-seo. Escrito pelas irmãs Hong.

Uma menina chamada Jin Sun-mi (Oh Yeon-seo) nasceu com o dom de ver espíritos, que na maioria das vezes são malignos, ela usa um guarda chuva amarelo para se defender. A caminho de casa um homem (Rei demônio) a ajuda, ele também consegue ver os espíritos e pede um favor, em troca de seu guarda chuva ela terá que trazer um leque. Na casa para buscar objeto habita um homem chamado Son O-gong (Lee Seung-gi), ele faz um acordo com a garota, dizendo que se ela o liberar daquele lugar ele irá lhe proteger, basta dizer seu nome. A menina aceita, só que ele é o traiçoeiro “grande sábio” e retirar dela a lembrança do seu nome para assim, não poder chamá-lo

Com o tempo a menina se torna uma mulher e continua andando com o mesmo guarda chuva amarelo, agora dona de uma imobiliária, ela compra casas e prédios assombrados e expulsa os espíritos.

Sun-mi e O-gong se reencontram só que agora ele quer devorá-la, por ela ser Samjang, uma humana escolhida pelo plano espiritual para livrar o mundo de um grande desastre. Seu sangue é muito poderoso com aroma de flor de lótus, o mostro que a devorar torna-se extremamente poderoso.

“Uma Odisseia Coreana” ou “A Korean Odyssey”, do Studio Dragon/Netflix – Reprodução

Só que por conta de um objeto mágico Geumganggo dado a ela pelo Rei demônio (Cha Seung-won) faz com que O-gong seja obrigado a obedecer sua presa, o que ninguém esperava é que esse objeto o faria se apaixonar, agora ele fará de tudo para lhe proteger, porque a ama.

Veja outros artigos, review’s, críticas de produções orientais, com espaço na Netflix.

O drama tem cenas tocantes, e um toque de comédia. E Está disponível na Netflix com 20 episódios.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *